segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

A Gaiola Dourada

Este filme teve direito a honras de blockbuster no Verão passado! Só se falava dele nas redes sociais e em qualquer recanto do mundo onde se falasse português. Até sou uma pessoa curiosa e seguidora das modas cinematográficas, mas este por preguiça foi ficando para trás. Agora já com os ânimos mais calmos resolvi ver e muito provavelmente sem o calor do Verão, não o achei assim tão espectacular. Acho que a caricatura que o realizador quis fazer do clássico emigrante em França (sendo ele filho de emigrantes) ficou um pouco, vá muito, exagerada. É verdade que muitas daquelas coisas são verdade e a moral é verdadeira também, no entanto não consegui soltar assim tantas gargalhadas como me prometeram. Éengraçado e tem muito cliché que bate certo: a bandeira tuga por todo o lado; bacalhau como principal refeição; francês/português numa mescla quase perfeita e o bom sangue lusitano a gritar asneiras em português em todo o lado, mas achei tudo um bocadinho too much, mas acho que a ideia era mesmo essa!
Até há tempo para um cameo do Pauleta!



Quanto vale em asteriscos: * * *

V.
  A Gaiola Dourada (2013) on IMDb

Sem comentários:

Enviar um comentário