segunda-feira, 9 de maio de 2011

Uma boa escolha à tarde e uma péssima escolha à noite

Clássico Domingo solarengo. Ver um "filmezeco" é sempre aquela opção apesar de esta prática resumir a minha vida ultimamente, e como as televisões portuguesas são aquela pobreza em bom gosto tive de activar outros meios e escolhi "Rio" para o meu filme da tarde. Quando se vê o trailer ou se lê a sinopse vê-se logo a história e o fim provável que vai ter, no entanto é maravilhoso visualmente falando. As cores, os cenários, mesmo nunca ter ido ao Rio de Janeiro percebe-se perfeitamente que a cidade está magnificamente recriada e é engraçado que consegui ver dois filmes "seguidos" onde se passam no Rio, sendo o "Fast Five" um bocado mais real nos cenários e o mais curioso que os dois filmes partilham de uma cena, uma perseguição naquelas imensas favelas, enfim... É bonitinho e vale a pena.


Quanto vale em asteriscos: * * * 
 
Agora mais para a noite resolvi ir aos arquivos e ver o que é que se podia ver e optei por um terror teen pra me entreter e escolhi "My Soul To Take". Sendo o realizador Wes Craven (Scream; Pesadelo em Elm Street) pelo menos contava com uma boa história, mas não aconteceu.
B O R I N G


Quanto vale em asteriscos: * 
 
Beijos e Abraços

Sem comentários:

Enviar um comentário